Diversas Patologias

CASS 2018

Apoiando os seringueiros que fazem TFD em Rio Branco

“Ainda que a chuva molhe seu uniforme, e o sol queime seu uniforme, lembre-se que tu és guardiã de uma sociedade que confia em ti, Ó CADES!”. Edivaldo Paes – Coordenador da CASA DE APOIO A SAÚDE DO SERINGUEIRO

 Como o próprio nome enfatiza, a Casa de Apoio a Saúde do Seringueiro (CASS) presta apoio e assistência aos seringueiros que vêm dos seringais, do estado do Acre em busca de tratamento de saúde na capital através do Tratamento Fora do Domicílio (TFD).

Na Capital do Estado, a CASS tem uma casa de passagem com capacidade para hospedar 20 pessoas, paciente e acompanhante, oferecendo gratuitamente, hospedagem, alimentação e transporte para consulta medicas e realizações de exames pelo tempo que necessário de tratamento.

A entidade funciona com o trabalho voluntário promovendo aos pacientes e acompanhantes, atividades de artesanatos de garrafa PET e Borracha, esse trabalho de laborterapia incentiva o paciente ao retorna em sua casa convencionar esses artesanatos para o complemento da renda familiar.

Imagem42Imagem43